Web Radio Gospel Da Covilha - ((( Portugal))) Sua Amiga De Todos As Horas



Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos. Provérbios 16:3

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Cientistas israelenses, apontam que o hábito de orar pode reduzir, em até 50%, o risco da doença de Alzheimer

Noticias Gospel - Estudos apontam que orar todos os dia previne Alzheimer

Estudo realizado pelo National Institutes of Health (Instituto Nacional de Saúde), em Washington, nos Estados Unidos, em parceria com cientistas israelenses, apontou que o hábito de orar pode reduzir, em até 50%, o risco da doença de Alzheimer, principalmente nas mulheres.
Os resultados atuais confirmaram estudos anteriores, que já haviam indicado a religião como um fator positivo na prevenção da doença. Segundo o chefe do departamento de neuropsiquiátrica do hospital Herzog em Jerusalém, Yakir Kaufman, os cientistas descobriram que as pessoas com um nível mais elevado de bem-estar espiritual têm uma progressão mais lenta do Alzheimer.

As mulheres têm mais chance de desenvolver formas de demência como o Alzheimer do que os homens. A partir do cruzamento de dados, chegou-se à conclusão de que as que oravam regularmente apresentavam fatores que as colocavam com 50% menos chance de desenvolver a doença.
Porém, a ligação ainda não pode ser estabelecida de forma exata em relação aos homens, pois 90% dos analisados oravam diariamente. No caso das mulheres, a porcentagem entre as que oravam, 60%, e as que não praticavam a oração, 40%, era mais equilibrada, o que permitiu uma comparação.
A oração também pode diminuir os níveis de estresse, um dos fatores de risco para a doença de Alzheimer. Outros fatores de risco incluem pressão alta, doenças cardíacas e diabetes. A professora Rivka Inzelberg, da Universidade de Tel Aviv, que liderou a pesquisa, afirmou que exercício feito pelo cérebro durante a oração envolve a memória e um trabalho intelectual, que pode atuar como um fator preventivo ao desenvolvimento da doença.


Com informações National Institutes of Health, Divulgação Noticias Gospel Internautas de Cristo

Um comentário:

  1. Poxa, que notícia ótima! Essa demência é tão misteriosa que a cada dia descobre-se algo novo relacionado ao seu desenvolvimento. Acho que o exercício diário de uma mesma prática ajuda a prevenir o Alzheimer, seja ela uma oração ou uma leitura outra. Muito interessante. Abraços!

    ResponderExcluir